logo direitos humanos CAAF2

Pesquisa e formação em direitos humanos.

 

 

O Centro de Antropologia e Arqueologia Forense (CAAF) é uma instituição multidisciplinar que desenvolve pesquisa e formação em direitos humanos, buscando evidências da violência institucional e fazendo análises com a parceria dos movimentos ou sujeitos em situação de luta social.

DESTAQUES

Ciclo de debates Direito e pandemia

 

As/os professoras/es de Direito da Unifesp em parceria com o CAAF|Unifesp estão desenvolvendo o ciclo de debates Direito e pandemia, cujo objetivo consiste em uma série de debates virtuais voltados a estudantes e aberto ao público externo para analisar as complexas relações entre o COVID-19 e o mundo jurídico.

Programação e mais informações

Boletim CAAF|Unifesp

 

O Centro de Arqueologia e Antropologia Forense (CAAF/Unifesp) é uma instituição de pesquisa e formação em direitos humanos que trabalha em torno da temática das graves violações cometidas pelo Estado. Diante da pandemia causada pelo novo coronavírus, cujo impacto e velocidade de contaminação atingem proporções nunca vistas em nossa história, a questão sobre como os óbitos estão sendo pensados, recebidos, regulados pelas instituições responsáveis, pelos profissionais da área forense e, de modo geral, pela sociedade torna-se um problema urgente.

Nesse sentido decidimos criar o Boletim do CAAF, cujo objetivo é contribuir para o desenvolvimento de uma rede de informações, documentos e análises relacionando ciências forenses, direitos humanos e lutas sociais.

Observatório de Proteção aos Direitos Humanos do CAAF|Unifesp lança relatório em comitê da ONU

 

nosso Observatório de Proteção aos Direitos Humanos, coordenado pela professora Carla Osmo, fez parte da elaboração de relatório sombra sobre desaparecimentos forçados da ONU, com informações que não tinham sido fornecidas pelo relatório do Estado brasileiro. Além de trazer informações sobre o contexto de desaparecimento forçado no Brasil, ele denuncia o desmantelamento das políticas públicas sobre memória, justiça e verdade, e apresenta recomendações sobre como devem ser tratadas estas políticas.

 

Relatório completo aqui

 

PROJETOS

VÍDEOS CAAF

Parcerias 

 

Instituto Vlademir Herzog