Retificação e Prorrogação do edital ProEC 470/2021 - Seleção de bolsista para atuarem no Projeto Mapeamento das comunidades de terreiro de Matriz Bantu no município de São Paulo

Categoria: PROCESSO SELETIVO Acessos: 496

A PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO E CULTURA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO torna pública a retificação e prorrogação do Edital 470/2021 de abertura de seleção de bolsistas para atuarem no Projeto de Mapeamento das Comunidades Tradicionais de Matriz Bantu na Região Metropolitana de São Paulo. Em sua primeira etapa, o Projeto mapeou comunidades de terreiro de Matriz Bantu no município de São Paulo. Nesta segunda fase, lançará mão de metodologias participativas, etnográficas e quantitativas para aprofundar a coleta e análise dos dados de forma a oferecer um mapeamento mais amplo das comunidades tradicionais de matriz Bantu do Município, conforme abaixo.

O PROJETO DE MAPEAMENTO DAS COMUNIDADES TRADICIONAIS DE MATRIZ BANTU NA REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO, em consonância com o item 13.2 dos editais supracitados, a saber

"13.2 Este edital tem validade de 12 (doze) meses, para atividades a serem desenvolvidas a partir de Janeiro de 2022, podendo ser prorrogado, estando condicionada a prorrogação à disponibilidade de recursos para sua realização."

torna pública a retificação e prorrogação do Edital 469/2021 e, seu componente, Edital 653/2021, para a(s) vaga(s) de bolsista(s), conforme abaixo.

 

Cargo/Função: Analista de geoprocessamento

Escolaridade: Ensino técnico e/ou graduação completa

Duração: 06 meses

 

>Noticias Anteriores Edital ProEC nº 470/2021 - Leia mais

A PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO E CULTURA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO torna pública o resultado final do edital de abertura de seleção de bolsistas para atuarem no Projeto de Mapeamento das Comunidades Tradicionais de Matriz Bantu na Região Metropolitana de São Paulo. Em sua primeira etapa, o Projeto mapeou comunidades de terreiro de Matriz Bantu no município de São Paulo. Nesta segunda fase, lançará mão de metodologias participativas, etnográficas e quantitativas para aprofundar a coleta e análise dos dados de forma a oferecer um mapeamento mais amplo das comunidades tradicionais de matriz Bantu do Município, conforme abaixo.

 


A PRÓ-REITORIA DE EXTENSÃO E CULTURA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO torna pública o resultado final do edital de abertura de seleção de bolsistas para atuarem no Projeto de Mapeamento das Comunidades Tradicionais de Matriz Bantu na Região Metropolitana de São Paulo. Em sua primeira etapa, o Projeto mapeou comunidades de terreiro de Matriz Bantu no município de São Paulo. Nesta segunda fase, lançará mão de metodologias participativas, etnográficas e quantitativas para aprofundar a coleta e análise dos dados de forma a oferecer um mapeamento mais amplo das comunidades tradicionais de matriz Bantu do Município, conforme abaixo.

Duração: 02 meses

Cargo/Função: Analista de geoprocessamento

Escolaridade: Ensino técnico e/ou graduação completa