Apresentação

A história da Escola Paulistinha de Educação (EPE) começa com o Decreto-lei no 229, de 28 de fevereiro de 1967, que estabelece a obrigatoriedade de creches nas empresas públicas ou privadas com pelo menos 30 funcionárias, num raio de acesso próximo da mesma, foi implantado na Unifesp por meio da Paulistinha, com objetivo de oferecer educação e saúde, além de manter o vínculo entre os pais e suas crianças. Segundo a Profa. Dra. Conceição Vieira da Silva Ohara, diretora do Departamento de Assuntos Comunitários da Unifesp, tudo começou em 1971, com uma iniciativa do Departamento de Enfermagem para atender uma professora e uma secretária que não tinham onde deixar seus filhos. “Naquela época, foi montada uma sala na Escola de Enfermagem e as crianças ficaram aos cuidados de duas atendentes de enfermagem, sob a coordenação da Disciplina de Enfermagem Pediátrica”. 

Como a demanda aumentou rapidamente, em 1993 teve início a construção de um espaço apropriado para receber melhor as crianças, que até então ficavam num local onde hoje estão os anfiteatros A e B da Escola de Enfermagem. Em 1995, quando o prédio ficou pronto, a Paulistinha contava com 350 crianças matriculadas. Em 1996, com a ampliação do Ensino Fundamental até a 4a série, a EPE foi reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC), tornando-se uma escola oficial, que atende crianças de Berçário ao 5º ano do ensino Fundamental.

Excelência

Diariamente, a Paulistinha é frequentada por 690 crianças (Creche, Ensino Fundamental, Projeto 2 horas e Centro Infanto-Juvenil de Educação, Cultura e Lazer). Além da educação, as crianças recebem alimentação preparada sob orientação de nutricionistas, assistência em saúde na área de enfermagem, odontológica e pedagógica. Outro fator positivo é que os departamentos utilizam a EPE como campo de estágio e pesquisa, fortalecendo a assistência à criança e a sua família.

Destacamos que a Paulistinha oferece um atendimento global diferenciado à todas as crianças, o que engloba os serviços de assistência nas áreas de enfermagem, odontopediatria, nutrição e pedagógica, fortalecendo o vínculo criança-escola-família e confirmando um alto grau de excelência na interação entre o cuidar e o educar.

Pró-Reitorias

Unidades universitárias

Campi

Links de interesse