Destaque

Resumo: O mercado mundial de drogas ilícitas movimenta cerca de U0 bilhões ao ano. Assim como a maconha, o cocaína e as drogas sintéticas, o álcool e o tabaco, apesar de lícitas, também são drogas potencialmente perigosas para a saúde. Este é o 1º de uma série de podcasts sobre o tema, apresentado na revista Entreteses nº 6.

Conexão Ciência


  • baixar arquivo

    Resumo: O corpo humano tem 75 milhões de células, de 200 tipos diferentes. Todas nasceram a partir das células-tronco, que se formam a partir do embrião. Com essas células é possível curar doenças graves, como a angina, que atinge 150 mil pessoas por ano. Saiba como é possível armazenar essas células e utilizá-las no futuro, caso seja preciso.


  • baixar arquivo

    Resumo: As lesões musculares são comuns entre os atletas. Isso se deve aos esforços intensos e repetitivos, à fraqueza muscular e ao desequilíbrio de força entre os músculos. Mas é possível prevenir as lesões através de análises que mostram quais músculos precisam ser mais desenvolvidos do que outros.

Vida e Cultura


  • baixar arquivo

    Resumo: O contato com o homem branco levou muitas doenças para as aldeias. A alimentação industrializada também teve impactos negativos, causando obesidade, hipertensão, diabetes e alcoolismo. As oficinas de nutrição realizadas pelo Projeto Xingu valorizam a culinária tradicional e ajudam a melhorar a saúde indígena.


  • baixar arquivo

    Resumo: A incidência das doenças infectocontagiosas entre os índios é muito preocupante; chega a ser de duas a três vezes maior entre os índios. Pensando nisso, a Unifesp oferece cursos na área de saúde indígena desde 2007.

Viver Bem


  • baixar arquivo

    Resumo: Até os 6 meses de vida, os bebês precisam somente de um alimento, o leite materno. Ele é rico em proteínas, vitaminas, anticorpos e outros nutrientes essenciais. Por vários motivos algumas mães não podem amamentar, e por isso existem 220 bancos de leite humano no Brasil. Sabia que 1 litro de leite alimenta até 10 recém-nascidos.


  • baixar arquivo

    Resumo: Tomar remédios por conta própria é uma prática perigosa, mas adotada por muita gente. A automedicação pode transformar pequenas dores em grandes problemas de saúde, como hepatite, impotência sexual, derrames e ataques cardíacos, além de causar dependência e até mesmo provocar a morte.

Pró-Reitorias

Unidades universitárias

Campi

Links de interesse