Quinta, 09 Junho 2022 12:07

Livro e evento compartilham a experiência da Unifesp na mediação de conflitos

Por Alexandre Milanetti

Mediação e Práticas Restaurativas nas Universidades portal

A Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) é pioneira entre as universidades na implantação de processos de mediação de conflitos, tendo iniciado o processo em 2015. Três anos depois contou com a Resolução 162 do Conselho Universitário (Consu), regulando a criação da Câmara de Mediação de Conflitos (Camu) e que, desde 2021, está em pleno funcionamento. Esta experiência foi compartilhada por meio de um livro que tem como uma das organizadoras a pesquisadora Andrea Rabinovici, que teve participação ativa desde o início do processo, além de capítulo redigido por ela em parceria com a mediadora de conflitos que tem assessorado a Unifesp desde o começo do trabalho. Carla Boin também redigiu outro capítulo, também em parceria com a pesquisadora Isis Bastos, que é a primeira e atual coordenadora da Camu.

O histórico de todo o processo de constituição da mediação na Unifesp, bem como a descrição de formação de mediadores(as) estão relatados para fins de memória e é esperado que a experiência possa servir como aprendizado a outras universidades.

O livro Mediação e Práticas Restaurativas nas Universidades: experiências e inspirações, organizado por Andrea Rabinovici, Carla Boin e Celia Regina Zapparolli, conta com a participação de diversos especialistas que tratam da aplicação da mediação de conflitos e de princípios da justiça restaurativa em diferentes contextos universitários. A obra, além dos capítulos das docentes da Unifesp, conta com outros escritos por integrantes da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp): Dora Maria Grassi, Néri de Barros Almeida, Priscila Cristina da Silva e Maria Augusta Pretti Ramalho. E também por professores(as) da Universidade de São Paulo (USP): Antonio Rodrigues de Freiras Junior, Ana Lúcia Pastore Schritzmeyer e Ricardo da Cunha Lima; e pela própria mediadora Célia Regina Zapparolli, da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP). A obra tem prefácios de Telma Vinha e Rosane Mantilla de Souza.

O livro será publicado pela Editora V&V, que é uma editora criada por iniciativa de dois ex-alunos da Universidade, contando com o conselho formado por docentes, todos do Campus Diadema da Unifesp.

O livro será lançado no próximo dia 9 de junho, no período da tarde, durante evento I Seminário de Mediação em Ambiente Universitário da Unicamp, que terá como tema A gestão de conflitos e as práticas colaborativas nas Universidades como mecanismo de transformação social, educação e Cultura de Paz. O evento é uma realização da Câmara de Mediação e do Gabinete da Reitoria da Unicamp. O encontro ocorrerá naquela universidade, de forma presencial ao longo da próxima quinta-feira (9) e será transmitido pelo YouTube.

O e-book já pode ser baixado gratuitamente pela página do Repositório Institucional da Unifesp ou na página da Editora V&V.

Para interessados(as) em participar do evento (presencial ou online), a inscrição é gratuita neste link. Para saber mais sobre a Camu/Unifesp, é só acessar aqui.

A resolução do Consu que criou a Câmara de Mediação da Unifesp está disponível neste documento.

Participação da vice-reitora no evento

I Seminário de Mediação em Ambiente Universitário da Unicamp portal I Seminário de Mediação em Ambiente Universitário da Unicamp portal1

A vice-reitora da Unifesp, Raiane Assumpção, participou da abertura do seminário no auditório do Grupo Gestor de Benefícios Sociais (GGBS), juntamente com autoridades da Unicamp, USP e PUC (São Paulo e Campinas). Ela também esteve presente na apresentação do livro realizada por Ísis Bastos, da Camu, Andrea Rabinovici e Carla Boin.

 

Lido 734 vezes Última modificação em Terça, 21 Junho 2022 16:19

Mídia