Terça, 24 Mai 2016 10:24

Pré-Vestibulinho Unifesp comemora três anos de atuação na EMEF Profª. Rosa Tomita

O curso preparatório é gratuito e destinado aos alunos do ensino fundamental

Por Mariane Santos

O Pré-Vestibulinho Unifesp, programa do Instituto de Ciência e Tecnologia (ICT/Unifesp), Campus São José dos Campos, está em seu terceiro ano de atuação na Escola Municipal de Ensino Fundamental Professora Rosa Tomita, localizada no bairro São José 2 do município de São José dos Campos. Até o momento 90 alunos já passaram pelo projeto.

É um programa de extensão universitária da universidade de grande impacto social, que oferece um curso preparatório anual, gratuito e voltado aos alunos dos anos finais do ensino fundamental dessa escola, beneficiando jovens carentes do bairro sem condições financeiras de fazer um curso para ingressar em uma instituição de ensino médio ou técnico de referência na região.

Essa atividade envolve os graduandos e professores do ICT/Unifesp proporcionando o desenvolvimento social, ampliando os horizontes de conhecimentos e a prática para além da sala e, do outro lado, os dirigentes da escola e os alunos, que terão acesso a um serviço de qualidade e uma ótima oportunidade de qualificação para o ingresso em uma boa instituição.

O curso é anual e contempla cerca de 50 alunos. Desde sua implantação, todos os estudantes matriculados no último ano do ensino fundamental ingressam no programa, não sendo obrigatório a participação.

As aulas acontecem às segundas e quartas-feiras, das 13h30 às 17h30, em uma sala de aula da escola. Atualmente o curso é ministrado por 14 graduandos, divididos em quatro disciplinas ministradas no programa como Ciências Exatas (Biologia, Física e Química), Ciências Humanas (História e Geografia), Língua portuguesa e Matemática. Além disso, conta com um coordenador, docentes colaboradores e uma psicóloga do ICT/Unifesp, que acompanham todo o andamento do programa.

Para Aline Capella, coordenadora do curso e professora do ICT/Unifesp, a ideia de criação e implantação do programa foi proposto em 2014 pelos dirigentes da escola como desafio para o instituto. “Com isso, houve uma grande mobilização por parte de docentes e graduandos do do instituto para a implantação do curso no mesmo ano. O trabalho conjunto permitiu o planejamento das aulas, a elaboração do material didático e a ministração das aulas em um período de sete meses. Atualmente, o curso conta com apostilas do Sistema Poliedro de ensino como material didático de referência para elaboração das aulas”.

Ela ainda explica que, neste ano, três dos 14 graduandos que ministram as aulas do curso foram contemplados com bolsas de extensão do Edital da Pró-Reitoria de Extensão e Cultura de Apoio aos Cursinhos Comunitários da Unifesp, uma parceria FAP-Santander, e estarão dedicando parte do tempo na elaboração de apostilas didáticas do curso. “O objetivo é elaborar um material didático padrão a fim de possibilitar sua ampliação, com o oferecimento do curso para outras escolas de ensino fundamental de regiões carentes de São José dos Campos”.

 

 

Lido 9034 vezes Última modificação em Terça, 07 Junho 2016 17:40

Mídia