Segunda, 12 Abril 2021 12:02

Hospital São Paulo tem 54 leitos de UTI Covid credenciados pelo Ministério da Saúde

Homologação garante sequência de amplo atendimento a pacientes graves acometidos pelo vírus

Por Denis Dana

HSP HU portal

O Hospital São Paulo, hospital universitário da Universidade Federal de São Paulo (HSP/HU Unifesp), teve 54 leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTI) credenciados pelo Ministério da Saúde para atendimento exclusivo aos pacientes acometidos de forma mais grave pela covid-19. O credenciamento foi autorizado pelo ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, e oficializado no Diário Oficial da União da quarta-feira (7/4). O custo mensal desses leitos para uso covid-19 é de R$ 2.592.000,00.

“Esses leitos já estão sendo utilizados. Contudo, faltava um registro, uma certificação por parte do SUS como sendo exclusivamente covid, de forma que o custo de cada leito fosse também readequado”, explica Manoel Girão, diretor da Escola Paulista de Medicina da Unifesp (EPM/Unifesp) e presidente do Conselho Estratégico do Hospital São Paulo.

Para Girão, o credenciamento será fundamental para a manutenção do fluxo de recursos do hospital. “Como os leitos já estavam sendo utilizados, o subdimensionamento dos gastos trazia grandes dificuldades financeiras para o hospital no que diz respeito à compra de insumos, medicamentos e outras aquisições. A homologação dos leitos permitirá, assim, um déficit diário menor, o que proporcionará melhora na administração.”

No momento em que o número de infectados é crescente, a força coletiva é fundamental no combate à covid. Nesse sentido, o diretor superintendente do HSP/HU Unifesp, José Roberto Ferraro, destaca que “com o empenho do Ministério da Saúde na autorização do credenciamento de leitos de UTI, bem como com o convênio firmado com a Secretaria de Saúde do Estado, é possível melhorar a sustentabilidade financeira do hospital na manutenção desses leitos, garantindo atendimento a tantos pacientes que nos buscam diariamente.”

A obtenção dos leitos também contou com a forte atuação da reitora da Unifesp, Soraya Smaili, que manteve contato constante com o Ministério da Educação.

Atualmente, o Hospital São Paulo possui 110 leitos de UTI adulto, dos quais 73 leitos exclusivos para covid-19. Desde o início da pandemia, o hospital atendeu a milhares de cidadãos, tendo recentemente alcançado a marca de 1.100 altas de pacientes que precisaram ser internados e que, recuperados, puderam voltar para suas casas e respectivas famílias.

Lido 512 vezes Última modificação em Terça, 04 Mai 2021 09:20

Mídia