Quarta, 24 Abril 2024 10:56

Unifesp participa da organização do 5.º Encontro Brasileiro de Governo Aberto

Evento teve como foco a criação de redes de aprendizagem e a partilha de experiências sobre governo aberto

encontro governo aberto 1
Foto: Cid Vieira/Ascom - CGU

A Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) foi uma das instituições organizadoras do 5.º Encontro Brasileiro de Governo Aberto, realizado nos dias 10 e 11 de abril no Centro Municipal de Formação Continuada dos Profissionais da Educação (CEFOR), em Osasco. Com diversas atividades focadas na criação de redes de aprendizagem e na partilha de experiências sobre governo aberto, a programação incluiu oficinas, palestras e atividades de formação.

Organizado pela Rede Brasileira de Governo Aberto, o evento reuniu acadêmicos(as), autoridades e representantes de governo e da sociedade civil que discutiram sobre ações de transparência, participação cidadã, accountability e inovação na gestão pública. Durante o encontro, também foi feito o lançamento da Rede Brasileira de Governo Aberto com a apresentação de sua carta de princípios.

encontro governo aberto 2
Foto: Cid Vieira/Ascom - CGU

A docente da Escola Paulista de Política, Economia e Negócios (Eppen) do Campus Osasco da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) e membro do NDAC/CEBRAP, Gabriela de Brelàz, pesquisadora em políticas de Estado Aberto que envolve Governo, Executivo e Legislativos abertos, disse que o trabalho para um governo aberto não é recente, pois o Brasil possui um importante histórico de políticas de participação e de transparência. “Nesses dois dias em que estaremos juntos(as) será mais que um momento para discussão de inclusão de princípios e estratégias de governo aberto em todo o país. O 5º Encontro Brasileiro simboliza o resultado da atuação de governos e da sociedade civil na construção e institucionalização de uma agenda de governo aberto que culmina no lançamento da Rede Brasileira de Governo Aberto”, afirmou.

Além de ser uma das organizadoras do encontro, a professora da Unifesp, Gabriela de Brelàz, também coordenou uma mesa chamada Governo Aberto na Perspectiva Acadêmica, que contou com a participação de Gisele Craveiro, professora da Universidade de São Paulo (USP), Luis Filipe Reinecke, professor da Universidade Estadual de Santa Catarina (UDESC), Felipe Tannus, da Prefeitura Municipal de Osasco (PMO), e Patricia Marques, da Prefeitura Municipal de São Paulo (PMSP). Já o professor da Unifesp, Álvaro Pereira, coordenou a mesa A cidade aberta do futuro: desenvolvimento econômico local, inclusão social e as contribuições do Governo Aberto”, que contou com a participação de Carolina Matias, da Prefeitura Municipal de Osasco (PMO), Patrícia Marques, da Prefeitura Municipal de São Paulo (PMSP), e Raquel Pereira, da Controladoria Geral da União (CGU).

Atualmente, o Campus Osasco da Unifesp é sede do projeto de monitoramento do Plano de Governo Aberto da cidade de Osasco, no qual atuam os(as) docentes Gabriela de Brelàz (Unifesp - coordenadora), Álvaro Pereira (Unifesp) e Luis Hernan Contreras Pinochet (USP), além dos(as) estudantes da Unifesp Duany Ferreira (Relações Internacionais), Igor Sverzuti (Administração), Isabella Inacio (Direito), Sofia Kamimura (Direito) e Thalia Oliveira (Direito).

O 5.º Encontro Brasileiro de Governo Aberto teve a realização da Controladoria Geral da União (CGU), que contou com o assessor especial Iagê Zendron Miola, representando o ministro da CGU, Vinícius de Carvalho, e Raquel Pereira, representando a Diretoria de Governo Aberto, do Estado de Santa Catarina, das Prefeituras de São Paulo (SP), de Osasco (SP), de Contagem (MG) e de organizações da sociedade civil, como a Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), o Colaboratório de Desenvolvimento e Participação da Universidade de São Paulo (USP), a Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC), Open Knowledge Brasil (OKBR), Instituto Prospectiva (INSPRO), Rede pela Transparência e Participação Social (RETPS), Centro de Estudos sobre Tecnologias Web (CEWEB.BR), Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC.BR) e Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.BR).

*Com informações da Prefeitura de Osasco

 

Lido 273 vezes Última modificação em Segunda, 20 Mai 2024 10:50

Mídia