Quinta, 21 Dezembro 2023 13:17

Unifesp realiza primeira atualização sobre doenças infecciosas de interesse para a saúde pública

Equipe do Departamento de Microbiologia, Imunologia e Parasitologia da EPM/Unifesp e analistas de saúde que participaram do curso (Créditos: Arquivo pessoal)
Equipe do Departamento de Microbiologia, Imunologia e Parasitologia da EPM/Unifesp e analistas de saúde que participaram do curso (imagem: arquivo pessoal)

A Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) concluiu o primeiro curso de atualização sobre doenças infecciosas de interesse para a saúde pública. A ação foi promovida pelo Departamento de Microbiologia, Imunologia e Parasitologia da Escola Paulista de Medicina (EPM/Unifesp) - Campus São Paulo para os(as) analistas de saúde vinculados à vigilância ambiental das Unidades de Vigilância em Saúde (UVIS) da Divisão Regional de Vigilância em Saúde/Coordenadoria Regional de Saúde (DRVS/CRS) Sudeste do Município de São Paulo.

O curso teve duração de 20 horas, sendo 17h teóricas e 3h práticas, e foi realizado em cinco encontros mensais, nos dias 15/8, 19/9, 17/10, 14/11 e 7/12. No total, 37 analistas participaram do curso. “Para ministrar o curso, dez docentes do Departamento de Microbiologia, Imunologia e Parasitologia/EPM e oito alunos do Programa de Pós-Graduação em Microbiologia e Imunologia se envolveram”, comenta a coordenadora do curso e professora do departamento, Erika Suzuki de Toledo.

Entre os(as) docentes, além de Erika Suzuki de Toledo, ministraram aulas Anderson Messias Rodrigues, Carla Torres Braconi dos Santos, Clara Lúcia Barbiéri Mestriner, Cristina Viana Niero, Juliana Terzi Maricato, Nilmar Silvio Moretti, Roberto Rudge de Moraes Barros, Rosa Maria Silva e Tania Aparecida Tardelli Gomes do Amaral. Quanto aos(às) pós-graduandos(as), integraram o grupo Brenno Fernandes da Cunha Lima, Bruno Souza Bonifácio, Danilo Bancalero Mendonça Lucchi, Guilherme Antonino da Silva Campolina, Jamile Ambrósio de Carvalho, Lucas Evangelista Marques, Pedro Henrique Soares Nunes e Tarcísio Navegante de Queiroz Filho.

A ementa do curso envolveu a apresentação e discussão de nomenclaturas científica e popular das doenças, agentes etiológicos, morfologia dos agentes etiológicos, mecanismos de transmissão, pontos mais relevantes de patogenia, sintomatologia, métodos de diagnóstico, tratamento, epidemiologia e profilaxia. As doenças abordadas neste curso foram dengue, raiva, malária, leishmaniose visceral, doença de Chagas, esporotricose, febre maculosa e leptospirose.

A atividade foi um curso de contrapartida do Contrato Organizativo de Ação Pública de Ensino-Saúde (Coapes), celebrado entre a Unifesp e a Secretaria Municipal da Saúde de São Paulo. O Coapes tem por objetivo viabilizar a reordenação da oferta de Estágios, Cursos de Graduação e Residências em Saúde, com garantia de estrutura de serviços de saúde em condições de oferecer campo de prática, mediante a integração ensino-serviço nas Redes de Atenção à Saúde. No âmbito do Campus São Paulo da Unifesp, uma comissão com representação da EPE, EPM, Coreme e Coremu ocupa-se do acompanhamento de estágios junto à Prefeitura do Município de São Paulo, estabelecendo, planejando e monitorando a articulação ensino-serviço no SUS.

Lido 648 vezes Última modificação em Quarta, 31 Janeiro 2024 12:16

Mídia