Quinta, 01 Outubro 2020 08:00

Novo site trata da Literatura Brasileira no século XXI

Projeto é uma parceria entre a Unifesp e a SP Leituras

Projeto LBXXI portal

No mês dedicado à leitura e literatura, o site Literatura Brasileira no XXI, realizado em parceria pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), por meio da atuação do curso de Letras da Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (EFLCH) - Campus Guarulhos, e a SP Leituras - Associação Paulista de Bibliotecas e Leitura, entra no ar. O conteúdo traz um cardápio variado de textos, dissertações, críticas, entrevistas e podcasts sobre o tema, tendo como base o acervo de obras contemporâneas e as programações culturais da Biblioteca de São Paulo (BSP) e da Biblioteca Parque Villa-Lobos (BVL). A BSP e a BVL são instituições da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo, geridas pela Organização SP Leituras, eleita pelo segundo ano consecutivo como uma das melhores ONGs do Brasil.

O projeto contempla ainda um conjunto diferenciado de obras sobre Literatura Brasileira Contemporânea no século XXI disponíveis na BSP e na BVL, além de ações de mediação e formação, como oficinas de criação e crítica, em parceria com as equipes das bibliotecas integrantes do SisEB - Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas de São Paulo. Em razão do Dia da Leitura e da Literatura, comemorado em 12 de outubro, o site inclui, em sua estreia, conteúdos relacionados com os temas "Literatura Esporte Clube", "Mulheres na Literatura" e "Literatura pode ser cura?".

"Esperamos, com este projeto, contribuir para dar o destaque que a Literatura Brasileira Contemporânea, que é de altíssima qualidade e enorme diversidade – de autores, de temas, de formas e de gênero – merece", diz Pierre André Ruprecht, diretor executivo da SP Leituras.

A pró-reitora de Extensão e Cultura da Unifesp, professora Raiane Assumpção, destaca a relevância do projeto e a contribuição da universidade em ações de incentivo à difusão cultural e científica. "A Unifesp pretende, por meio de seus docentes e discentes, integrar ensino, pesquisa e extensão, sendo esta última entendida como fundamental na configuração da relevância social da atuação acadêmica. Com ações e atividades de promoção de leitura, estamos contribuindo para a construção de visões ampliadas para a construção de uma sociedade mais justa e igualitária", conclui.

Todo esse conteúdo estará disponível para o público em geral, para os visitantes da BVL e da BSP, para o corpo discente da Unifesp e também para o conjunto de cerca de 700 bibliotecas que fazem parte do Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas (SisEB), programa da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo, também gerido pela SP Leituras.

Considera-se que a Literatura Brasileira Contemporânea engloba as produções de autores literariamente ativos nas primeiras duas décadas do século XXI – o que inclui tanto autores nascidos ou que tenham publicado/estreado no século XX quanto aqueles nascidos neste início de milênio.
O site está disponível em www.lbxxi.org.br.
Lido 656 vezes Última modificação em Quinta, 08 Outubro 2020 09:43

Mídia