Afetos movem, movimentos afetam

Confira a exposição na EFLCH/Unifesp – Campus Guarulhos


afetos movem movimentos afetam

A exposição objetiva revelar a percepção do deslocar-se e do transitar no espaço urbano, a partir dos diferentes percursos realizados até o Campus Guarulhos da Unifesp.

O ir e vir faz parte da rotina de vários estudantes, incluindo aqueles que moram próximos à universidade. Nessas múltiplas trajetórias, todos são afetados pelos diferentes espaços nos quais seus corpos são submetidos e pelo trânsito contínuo entre uma paisagem e outra em que nenhuma imagem parece se fixar por muito tempo. Estudantes, professores e funcionários e tantos outros corpos se deslocam todos os dias para aprender, ensinar e compartilhar. E aquilo que move estas locomoções – os afetos, desejos, lutas, sonhos – é o que coloca o espaço urbano em movimento, tornando-o indefinido, mas vivo.

A exposição “Afetos movem, movimentos afetam” é resultado da experiência dos estudantes da Unidade Curricular “Arte e Arquitetura: diálogos e dissonâncias II”, ministrada pelas professoras Leticia Coelho Squeff e Manoela Rossinetti Rufinoni, do Departamento de História da Arte da Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (EFLCH/Unifesp) – Campus Guarulhos.

Serviço:
Afetos movem, movimentos afetam
Local: EFLCH/Unifesp – Campus Guarulhos
End.: Estrada do Caminho Velho, 333 – Jd. Nova Cidade – Guarulhos/SP
Mais informações
Lido 449 vezes Última modificação em Quarta, 21 Outubro 2020 13:02

Mídia