Segurança pública ou genocídio?

Iscrições abertas até 12/5/2018

Diante do contexto de ascensão da violência urbana em suas múltiplas dimensões e escalas no Brasil, da intervenção militar no Estado do Rio de Janeiro viabilizada pelo governo federal e do assassinato da vereadora carioca Marielle Franco que mobilizou a esfera pública, a presente jornada de atividades de extensão coloca em questão a trajetória das políticas de segurança pública no Brasil e seus efeitos sobre territórios, sujeitos e subjetividades no espaço urbano contemporâneo.

Serviço:
Segurança pública ou genocídio?
Data e horário: 14/5, das 14h às 18h

Local: Polo de Extensão e Cultura - Campus Zona Leste da Unifesp
End.: Avenida Jacu-Pêssego, 2630 - Itaquera, São Paulo/SP
Inscrição

Programação:
9h às 10h - Acolhida e recepção dos convidados
10h às 12h - Mesa-redonda, com Felipe Brito (UFF), Jussara Basso (MTST), Katiara Oliveira (Grupo Kilombagem) e Paula Nunes (MAIS – PSOL)
12h às 13h - Grupos de trabalho sobre a temática “Segurança pública ou genocídio?”
13h às 14h - Pausa para o almoço 
14h às 15h - Socialização dos grupos de trabalho: 
15h às 16h - Atividade cultural: Samba das Pretas (Coletivo musical de Cidade Tiradentes, Zona Leste, São Paulo/SP)

Banner Seguranca publica ou genocidio

 

Lido 3236 vezes Última modificação em Sexta, 11 Maio 2018 22:08

Mídia