Segunda, 10 Abril 2023 14:08

Unifesp lança revista digital de divulgação científica TáNaMão

Veículo propõe um equilíbrio fino entre os princípios da comunicação pública e práticas contemporâneas de informação

Por Valquíria Carnaúba

Duas mãos segurando um celular com o título da revista à direita da imagem; arte nas cores preta e branca

Em maio de 2022, uma pesquisa divulgada pelo Instituto 3M1 constatou que nove em cada dez brasileiros confiam na ciência. No entanto, ainda existe uma crença de que a popularização científica no país esbarra na carência de interesse, falta de cultura e de letramento da sociedade. A Unifesp resolveu questionar: e se o caminho fosse melhorar a experiência de leitura, ampliar os canais de consumo e facilitar o entendimento dos conteúdos mais complexos?

É com esse entendimento que surge a revista digital de divulgação científica TáNaMão, um projeto do Departamento de Comunicação Institucional da Universidade Federal de São Paulo (DCI/Unifesp), que nasce com o objetivo de posicionar estrategicamente a universidade entre os veículos de popularização científica do país e informar a sociedade sobre a produção científica institucional.

A informação que você quer, do jeito que você precisa

A revista propõe um equilíbrio entre os princípios da comunicação pública, como garantir o acesso amplo à informação, fomentar o diálogo, promover os direitos fundamentais e combater a desinformação, e as práticas de comunicação da web mais contemporâneas, como multimidialidade em integração de vídeos, podcasts, notas curtas, reportagens e jornalismo de dados, além da otimização do conteúdo para mecanismos de busca.

Nesse tópico, inclui-se a compreensão dos públicos e a construção de personas, com base nos comportamentos de consumo da informação científica. A partir dessa análise, nossa equipe de comunicação pôde identificar os públicos de interesse e adaptar a linguagem mais apropriada para lidar com cada um. O resultado é a produção de conteúdo científico útil e compartilhável, com linguagem acessível e passível de fácil disseminação por meio dos recursos web para comunicação em rede.

O projeto da revista digital TáNaMão perdurou por meses, e agora entrega um produto sólido à altura das novas mídias e das práticas de linguagens inerentes à web 2.0. O veículo nasce, inclusive, pronto para a latente web 3.0. "Hoje, em função da enorme disponibilidade de informação via Internet, é desafiador para quem produz comunicação científica pública gerar atenção da audiência, de forma mais ampla. Então, experimentar novas formas de produção, aliadas à tecnologia, faz parte da estratégia de comunicação da Unifesp”, afirma Walter Teixeira Lima Junior, diretor do Departamento de Comunicação Institucional da Unifesp.

Sobre a edição zero

A edição zero da revista TáNaMão aborda um dos principais temas de interesse da atualidade: a saúde do futuro. O termo, mais amplo, fala não somente da medicina do futuro, traduzido no uso de tecnologias, inclusive digitais, para revolucionar os cuidados com a saúde humana.

A saúde do futuro abordada pela revista TáNaMão envolve reflexões acerca dos desafios da sociedade para lidar com as mudanças advindas do século XXI, como os efeitos da pandemia de covid-19. O eixo para os conteúdos escritos, de áudio, vídeo e de dados foi o papel central da Unifesp e de seu hospital-escola para os atendimentos e a formação de profissionais de saúde no Brasil.

Na edição zero da revista TáNaMão, vamos falar, em vídeo, sobre um importante laboratório de Foram abordados, na edição zero da revista TáNaMão, o propósito do maior laboratório de microneurocirurgia da América Latina, os dados oriundos do Relatório de Atividades do Comitê de Ensino, Pesquisa e Extensão 2021, os desafios da psiquiatria para os próximos anos, e os desafios da terceira idade em um país que começa oficialmente a envelhecer.

Confira as reportagens e divulgue nosso trabalho! Acesse a revista aqui: tanamao.unifesp.br.

Lido 1401 vezes Última modificação em Terça, 05 Dezembro 2023 13:54

Mídia