Roberto Geraldo Baruzzi é homenageado pelos 50 anos do Projeto Xingu

Em cerimônia realizada nesta terça-feira, 3, no anfiteatro Leitão da Cunha, o professor Roberto Geraldo Baruzzi foi homenageado pelos 50 anos do Projeto Xingu. Na ocasião, foi entregue uma placa comemorativa representando as conquistas do projeto.

 

 20

Professor Baruzzi durante homanagem

O projeto, idealizado por Baruzzi, é viabilizado pelo Hospital São Paulo que, além do aporte financeiro, oferece a atenção hospitalar do Ambulatório do Índio nos casos de maior complexidade, o trabalho de campo no Xingu, com a ida de alunos e residentes, a formação de indígenas para o trabalho em saúde, e parte da atividade de pesquisa-ação. Hoje a iniciativa é coordenada pela médica e antropóloga Sofia Mendonça e conta com uma equipe multidisciplinar, formada por médicos, enfermeiros, nutricionista, cirurgião dentista, educador, historiador e fotógrafo. Ao todo, mais de 500 pessoas participaram das viagens a campo desde a criação do programa.

Dentre as principais conquistas do programa, estão o aumento da expectativa de vida dos índios, queda da mortalidade infantil, e a erradicação de doenças como sarampo, catapora, poliomielite e difteria. Além disso, atualmente os casos de malária, que era a principal epidemia que assolava esses povos, são muito raros e, quando ocorrem, não evoluem para óbito.

 21

Equipe do Projeto Xingu

Fotos: Hélio Mello

 

Fonte: DCI Unifesp