Meditação Caminhando no Labirinto

Essa atividade pode ser considerada como redutora do estresse

6175971a 4a1b 4ac5 aa1a 9082004a8bed

Foto: Afonso Carlos Neves

Afonso Carlos Neves, docente especialista em Neurologia, está oferecendo a oportunidade da prática do caminhando no labirinto, como ferramenta para meditação, reflexão.

O labirinto é um instrumento para auxiliar a prática de bem-estar e promoção da saúde. A atividade acontece todas às segundas-feiras, das 13h30 às 15 horas, dura aproximadamente meia hora e pode ser iniciada em qualquer momento, dentro do período. Gratuito.

Local: Edifício de pesquisa Professor Dr. Nestor Schor

Endereço: Rua Pedro de toledo nº 669, 1º andar

Sobre o Caminhando no Labirinto

Neves revela, que hoje em dia há diversas atividades consideradas como complementares em relação à Medicina convencional que podem ser feitas também por pessoas consideradas como sadias. Uma dessas atividades é a “Meditação Caminhando no Labirinto”. Em um primeiro momento pode ser considerada como uma atividade redutora do estresse.

Em outros aspectos têm sido vista também como uma atividade de apoio em relação a pessoas com as mais variadas doenças crônicas, e como uma ferramenta no processo de conhecimento interior de quem assim o aplicar.

A palavra “meditação” aqui é usada no sentido amplo do termo. Trata-se de uma forma de reflexão fazendo uso do movimento do corpo em um trajeto específico.

“Atualmente procura-se fazer estudos científicos sobre as atividades complementares da Medicina. Assim também já existem algumas pesquisas sobre a Meditação Caminhando no Labirinto e nós também estamos iniciando esse processo”, afirma Neves.

Saiba mais sobre as atividades sobre "Meditação Caminhando no Labirinto" acessando o blog: http://meditar-labirinto.blogspot.com