CONSU aprova Política Antirracista da Unifesp

Categoria: Notícias da EFLCH Acessos: 512

Captura_de_Tela_2021-03-22_às_15.27.50.png

No último dia 10 de março, durante reunião do Conselho Universitário da Unifesp, foi aprovada a resolução: “Diretrizes, princípios e fundamentos para a construção da política de promoção da equidade e igualdade étnico-racial, prevenção e combate ao racismo na Unifesp”. Durante a reunião, a professora da EFLCH Hosana dos Santos Silva, que também faz parte da Comissão Antirracista da Unifesp, comentou sobre a importância da aprovação dessa política institucional antirracista no combate ao racismo estrutural dentro e fora da universidade: “É importante, ainda, o fato de que, para além dos preceitos legais, essa resolução contribui para a promoção, nos diversos espaços da universidade, a circulação de saberes e conhecimentos que contestam legados coloniais”, afirmou a professora Hosana.

Em um momento emocionante, a magnífica reitora, a Professora Doutora Soraya Smaili formalizou, com aclamação do CONSU (Conselho Universitário) um pedido de desculpas em nome da Unifesp:

 

 

“Além de pedir a aclamação do conselho universitário, quero propor um pedido formal de desculpas da nossa instituição, conforme eu havia me comprometido com as professoras na nossa primeira reunião conjunta, quero fazer formalmente esse pedido de desculpas em nome da Universidade Federal de São Paulo a toda e qualquer situação que tenha ocorrido, que fugiu do nosso controle de gestão ou da nossa formação ou da nossa responsabilidade, mas sim o reconhecimento formal da nossa instituição e que isso não mais aconteça. É importante esse reconhecimento, a formulação da política, a aprovação dessa resolução, mas principalmente o reconhecimento de que isto aconteceu e que nós estamos dispostos a escrever a história de maneira diferente e que nós estamos fazendo isso, não a partir de agora, este é mais um passo, importantíssimo para isso. Muito obrigada a todos e proponho ao conselho universitário o nosso pedido de desculpas formal e a aprovação por aclamação desta importante resolução e deste importante marco histórico da nossa instituição.”

A resolução cria também um comitê que será responsável por avaliar, planejar, propor e gerenciar ações para a construção coletiva dessa política antirracista. E fomenta propostas internas e externas (estudos, pesquisas, debates...) que promovam a equidade racial e étnica no combate ao racismo.

Para mais informações sobre a constituição da Política Antirracista da Unifesp através da Comissão Antirracista, clique aqui.

Ou leia a resolução aprovada na íntegra aqui.

Para acessar o site do CONSU/Unifesp, clique aqui.