interessados das áreas de Comunicação a realizar trabalhos de desenvolvimento de homepage, desenvolvimento e administração de bancos de dados, produção de comunicação e divulgação da pesquisa e de seus resultados

Categoria: Notícias EFLCH Acessos: 332

Bolsa TT-3, para graduado do nível superior em Comunicação Social, sem reprovações em seu histórico escolar, com experiência de pelo menos um trabalho de comunicação para atividade de pesquisa, sem vínculo empregatício, com dedicação de 20 horas semanais (o valor da Bolsa a ser paga será proporcional ao número de horas semanais) às atividades de apoio ao projeto de pesquisa. Contratação por 01 ano com possibilidade de renovação por mais 01 ano.

Acesse aqui o edital completo

O candidato deverá dar suporte nas seguintes atividades:

1. Criação e manutenção de um sítio eletrônico sobre a pesquisa;
2. Fazer a criação de bancos de dados, a partir de programação específica;
3. Desenvolver e administrar os bancos de dados criados, inserindo e tratando os dados na medida em que forem sendo obtidos;
4. Auxiliar na organização de seminários;
5. Colaborar na preparação de materiais de divulgação;
6. Realizar com a equipe de pesquisadores a divulgação das atividades e dos resultados da pesquisa.

Critérios para Seleção

- Atender os requisitos mínimos para a Bolsa TT III da FAPESP (http://www.fapesp.br/3098);
- Análise de Currículo.
Os interessados devem enviar Currículo para os e-mails abaixo até 13/02/2019: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. ; Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. ; Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
Os candidatos que tiverem o currículo selecionado serão chamados para entrevista por Skype.

Sobre o projeto

Este projeto de pesquisa foi elaborado por pesquisadores da Rede Escola Pública e Universidade que, desde 2016, vêm estudando as políticas educacionais na rede estadual paulista. A temática que o circunscreve é a análise longitudinal da política educacional paulista, de forma a abranger os últimos 23 anos (1995-2018), em termos de formulação, implementação e resultados, expressas nas reformas, programas e projetos, considerando um espectro que engloba da implantação às formas de resistência. Assim, o objetivo da pesquisa é analisar a política educacional do estado de São Paulo no período indicado, com base nos elementos que perpassam o conjunto de ações da Secretaria de Estado da Educação paulista, visando apreender suas orientações, avanços e formas de resistências. Consideramos que a apreensão das políticas públicas e da forma como elas são concebidas, formuladas e executadas exige um entendimento sobre o modo de operar do Estado, à medida que a concepção de Estado orienta a análise dos formatos da ação estatal e o seu nível de intervenção na sociedade. Os procedimentos metodológicos envolvem a realização de pesquisa quali-quantitativa, posto que visam abarcar análises estatística e documental e pesquisa de campo. Os dados serão coletados e examinados com base nos pressupostos da análise de políticas públicas que consideram as relações de determinada política ou programa com os arranjos sociais, econômicos e políticos mais gerais (LASSWELL, 1951), adotando-se a perspectiva da Teoria do Equilíbrio Pontuado de Baumgartner e Jones (1993), que propicia uma forte integração entre estudos qualitativos e quantitativos, adequada à compreensão das variações de longo prazo em um mesmo campo de políticas públicas, enfoque metodológico.

A vinculação de um bolsista TT da área de comunicação é imprescindível para que se possa elaborar e articular diferentes meios de divulgação das atividades e resultados da pesquisa. Parte-se do pressuposto de que uma divulgação eficiente é fundamental para aproximar a pesquisa da comunidade, dentro e fora da universidade, tornando as informações acessíveis a diversos públicos.