×

Aviso

JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 569
Quarta, 11 Agosto 2021 12:54

Propessoas reformula o Departamento de Saúde do(a) Trabalhador(a)

Com nova diretoria, DSTra anuncia mudanças estruturais, aperfeiçoamento de serviços e criação de novas ações

Por Paula Garcia, com fotos de Alex Reipert

SESMT 12
Uma das três novas salas de perícia médica do SESMT

O Departamento de Saúde do Trabalhador (DSTra) está se reestruturando, dentro da nova perspectiva da Pró-Reitoria de Gestão com Pessoas (Propessoas), com foco na qualidade de vida durante a execução das atividades laborais e atuando com medidas de promoção, prevenção e proteção da saúde dos servidores e servidoras. Para isso, o departamento conta agora com a direção do médico José Homero Soares e da docente Ana Claudia Fiorini.

Essa nova estrutura visa atender à Política de Saúde e Segurança da Comunidade Acadêmica (SSCA), aprovada pela resolução nº 184/2020 do Conselho Universitário da Unifesp, que estabelece uma governança em saúde e segurança do trabalho dos(as) docentes efetivos(as) e temporários(as) do magistério superior federal, do ensino básico, técnico e tecnológico e dos(as) técnico-administrativos(as) em educação. O DSTra também é a instância competente para coordenar o Subsistema Integrado de Atenção à Saúde do Servidor (Siass), integrando assim ações e programas nas áreas de assistência à saúde, perícia oficial e acompanhamento da saúde dos(as) trabalhadores(as).

NASF 13
Sala de apoio da enfermagem no Nasf

“Acreditamos que essa reestruturação propiciará o aprimoramento dos fluxos de trabalho, o desenvolvimento de programas voltados a atenção integral à saúde dos servidores e servidoras e a criação de redes de atenção à saúde do(a) trabalhador(a) por meio de parcerias com os campi, Hospital Universitário e órgãos externos à Unifesp”, comenta Elaine Damasceno, pró-reitora da Propessoas.

Para aprimorar as atividades já desenvolvidas pelo departamento, o Conselho de Gestão com Pessoas (Conpessoas), aprovou no dia 30 de julho de 2021 o novo organograma do DSTra, reorganizando as atividades em dois núcleos: o recém-criado Núcleo de Atenção à Saúde do(a) Servidor(a) (NASS) e o já conhecido Núcleo de Assistência à Saúde dos(as) Funcionários(as) (Nasf).

Núcleo de Atenção à Saúde do Servidor (NASS)

SESMT 5
Novas dependências do SESMT

Hoje o NASS conta com o Setor de Perícia e Junta Médica (SPJM) e abriga o Núcleo de Segurança e Medicina do Trabalho (SESMT), agora denominado Setor de Vigilância/SESMT, responsável pelas ações de medicina do trabalho, exames médicos admissionais e periódicos, promoção à saúde, vigilância em saúde, campanhas de prevenção/vacinação, serviço social, engenharia do trabalho, mapeamento de riscos e dos locais de trabalho.

SESMT 22
O médico perito José Carlos Melo Chagas, em atendimento.

A área de perícias já está reestabelecendo as juntas médicas por meio do sistema híbrido, onde o(a) paciente é acompanhado(a) presencialmente por no mínimo um(a) médico(a), enquanto os(as) outros(as) dois/duas peritos(as) que compõem a junta participam da perícia remotamente. Para evitar novas interrupções no serviço, está em andamento um projeto para a criação de um núcleo de capacitação que fomentará novos peritos que possam ser incorporados ao setor. “Nossa ideia é fortalecer e dar maior musculatura ao Sesmt, estabelecendo redes que permitam ampliar nossas ações em todos os campis da Unifesp, promover oficinas de arte, cultura e lazer, visando não somente os(as) profissionais da ativa, como também os(as) aposentados(as)”, explica o novo diretor.

Núcleo de Assistência à Saúde dos Funcionários (Nasf)

NASF 4
Fachada do Nasf

Já o Nasf continua prestando atendimento nas áreas de clínica médica, odontologia, pediatria e saúde mental, aos(as) servidores(as) e pensionistas de toda universidade, aos(as) funcionários(as) ativos(as) do Complexo Hospitalar Universitário da Unifesp (HSP/HU/HU2 Unifesp), bem como os seguintes dependentes: cônjuges, filhos(as) até 21 anos e filhos(as) entre 22 e 24 anos que estejam cursando nível superior. Conta com o apoio de uma equipe de enfermagem e de assistência social, além da parceria com Centro de Atenção Integrada à Saúde Mental (CAISM), no caso da saúde mental.

NASF 14
Riosuque Hatanaka, médico do Nasf

A ações existentes estão sendo mantidas e aperfeiçoadas, como a criação do sistema de marcação de consultas on-line, assim como o desenvolvimento de novas atividades, a exemplo da teleconsulta que poderá ser ampliada mesmo após a pandemia, conforme o retorno positivo por parte dos usuários.

Conheça os novos diretores e saiba um pouco mais sobre as ações que estão sendo implantadas no DSTra:

Vídeo produzido por Jean Silva - Audiovisual/DCI

Lido 697 vezes Última modificação em Sexta, 03 Setembro 2021 09:47

Mídia