Segunda, 29 Junho 2020 19:55

Produção científica da universidade na área da covid-19 é apresentada em audiovisual

Instituição vem colaborando com estudos em diferentes áreas do conhecimento

Por José Luiz Guerra

Qual a eficácia de uma vacina contra o coronavírus? Como a pandemia afeta a saúde mental das pessoas? O isolamento social pode ser retratado por meio da arte? Como a tecnologia pode ajudar no monitoramento de casos? E como proteger as populações carentes de contrair a doença? Essas são algumas das perguntas que pesquisadores de todos os campi da Unifesp estão tentando responder por meio da ciência.

Para falar sobre essas pesquisas, o Departamento de Comunicação Institucional da Universidade Federal de São Paulo (DCI/Unifesp) produziu um conteúdo audiovisual que reúne alguns dos principais estudos. Confira:



A reitora da Unifesp, Soraya Smaili, ressalta que a universidade se organizou rapidamente para iniciar os estudos na área da covid-19, com o engajamento de estudantes, pesquisadores e profissionais capacitados, responsáveis por estudos reconhecidos no mundo todo. "A Unifesp está na linha de frente contra a covid-19, apresentando respostas e soluções para a população brasileira e para o desenvolvimento econômico, social e humano do nosso país. Esta é a nossa missão!", completa.

Um levantamento, feito pela Coordenadoria de Pesquisa da Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisas (PROPGPq/Unifesp) e apresentado na reunião ordinária de junho do Conselho Universitário (Consu/Unifesp), indica que a instituição está realizando 89 estudos relacionados à covid-19 em todos os campi, sendo 10 na Baixada Santista, 10 em Diadema, 1 em Guarulhos, 3 em Osasco, 5 em São José dos Campos, 57 em São Paulo, 1 na Zona Leste e 2 na Reitoria. Boa parte deles (59,6%) são financiados por agências de fomento nacionais e internacionais e 52,8% são desenvolvidos em rede com outras instituições. Essas pesquisas e outras informações referentes à pandemia de covid-19 estão disponibilizadas na página Unifesp no Enfrentamento da Covid-19. "A Unifesp atua em diversas áreas do conhecimento. No campo da pesquisa e das ações sociais, ela sempre esteve presente, buscando entendimento e soluções, e, dessa forma, contribuindo para o desenvolvimento do Brasil", comenta a pró-reitora de Pós-Graduação e Pesquisa da Unifesp, Lia Bittencourt.

Pesquisa nas IFES

Não é apenas a Unifesp que tem se movimentado para entender e combater a covid-19. As universidades federais são responsáveis por mais de 800 pesquisas na área, fato que comprova a importância da universidade pública na busca e solução dos problemas da sociedade. Essas iniciativas incluem também ações de conscientização da população e produção de materiais, como álcool em gel e equipamentos de proteção individual.

 

Lido 596 vezes Última modificação em Segunda, 06 Julho 2020 10:36

Mídia