Sexta, 21 Dezembro 2018 19:28

Unifesp inaugura laboratório de ressonância magnética e biotério

Instalado no Instituto de Farmacologia, espaço poderá ser utilizado para o desenvolvimento de pesquisas em ciências básicas, clínicas e cirúrgicas

Da esquerda para a direita, estiveram na mesa de abertura da cerimônia de inauguração dos laboratórios e do biotério a docente do  Infar/EPM/Unifesp, Catarina Segreti Porto, o presidente da Finep, Ronaldo Camargo, o ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e  Comunicações, Gilberto Kassab, a reitora da Unifesp, Soraya Smaili, o diretor Financeiro, de Crédito e Captação da Finep, Wanderley de Souza e a coordenadora do Infar/EPM/Unifesp e presidente de honra da SBPC, Helena Nader
Da esquerda para a direita, estiveram na mesa de abertura da cerimônia de inauguração dos laboratórios e do biotério a docente do
Infar/EPM/Unifesp, Catarina Segreti Porto, o presidente da Finep, Ronaldo Camargo, o ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e
Comunicações, Gilberto Kassab, a reitora da Unifesp, Soraya Smaili, o diretor Financeiro, de Crédito e Captação da Finep, Wanderley
de Souza e a coordenadora do Infar/EPM/Unifesp e presidente de honra da SBPC, Helena Nader


Por José Luiz Guerra

A Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) inaugurou na tarde do último dia 21 de dezembro o Laboratório de Ressonância Nuclear Magnética Nuclear Prof. Dr. Carl Peter Von Dietrich, o Biotério e o Laboratório de Experimentação Animal. Os novos espaços, instalados no Instituto de Farmacologia da Escola Paulista de Medicina da Unifesp (Infar/EPM/Unifesp), poderão ser utilizados para o desenvolvimento de pesquisas em ciências básicas, clínicas e cirúrgicas.

O laboratório de Ressonância Nuclear Magnética homenageia Carl Peter Von Dietrich, um dos mais importantes pesquisadores da medicina brasileira, falecido em 2005, e responsável pela implantação do programa de pós-graduação em Biologia Molecular da Unifesp, reconhecido com conceito máximo (7) pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes). O equipamento foi comprado por meio de verba do projeto CT-INFRA da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), voltado para viabilizar a modernização e ampliação da infraestrutura e dos serviços de apoio à pesquisa desenvolvida em instituições públicas de ensino superior e de pesquisas brasileiras.

No início da cerimônia, o ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab, celebrou a parceria com a Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), entidade que foi presidida pela professora titular da disciplina de Biologia Molecular e coordenadora do Infar/EPM/Unifesp, Helena Nader, e se colocou à disposição para continuar ajudando a universidade.

O diretor Financeiro, de Crédito e Captação da Finep, Wanderley de Souza, reforçou a importância das novas instalações para o desenvolvimento de pesquisas de ponta e lembrou do amigo e homenageado Carl Peter Von Dietrich, com o qual trabalhou. Ele parabenizou a instituição pelo pioneirismo e pela qualidade no desenvolvimento de pesquisas. “A Unifesp está entre as principais instituições de ensino e pesquisa do Brasil”, disse. Já o presidente da entidade, Ronaldo Camargo, agradeceu à Helena Nader por sempre ter lutado pela ciência brasileira e reforçou a necessidade de se investir na área. “A Finep investiu mais de R$ 4 bilhões nas universidades e isso precisa ser mantido”.

A reitora da Unifesp, Soraya Smaili, que também é docente do Infar/EPM/Unifesp, lembrou que os pesquisadores do instituto dedicam grande parte de seu tempo às pesquisas, o que contribuiu para que os programas de pós-graduação que funcionam no local – Farmacologia e Biologia Molecular – sejam avaliados com os melhores conceitos pela Capes. Reforçou que os laboratórios disponíveis no instituto são de última geração, muitos deles pioneiros no mundo, o que atrai pesquisadores internacionais para a instituição. Soraya ratificou que os espaços foram concebidos em parceria com a Finep e com recursos da Reserva Técnica Institucional e aproveitou para agradecer à Helena pela sua pujança na luta por uma política de ciência e tecnologia no país.

Por fim, Helena Nader falou sobre o processo de restruturação pelo qual o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) passou durante a gestão de Gilberto Kassab e o parabenizou pelo trabalho. A docente a também agradeceu pelo apoio da Finep durante o período no qual esteve à frente da SBPC e reforçou a importância do órgão para a ciência no Brasil. “Existem pessoas chaves no país com as quase o futuro governo precisa conversar. Peço que lutem para que a Finep continue apoiando estes projetos”, completou. Atualmente, Helena Nader é presidente de honra da entidade.

Ao final da cerimônia, foram descerradas as placas do Laboratório de Ressonância Nuclear Magnética Nuclear Prof. Dr. Carl Peter Von Dietrich e do Biotério e o Laboratório de Experimentação Animal.

Inauguração do Biotério e o Laboratório de Experimentação Animal do Infar/EPM/Unifesp
Inauguração do Biotério e o Laboratório de Experimentação Animal do Infar/EPM/Unifesp

Inauguração do Laboratório de Ressonância Nuclear Magnética Nuclear Prof. Dr. Carl Peter Von Dietrich
Inauguração do Laboratório de Ressonância Nuclear Magnética Nuclear Prof. Dr. Carl Peter Von Dietrich

Lido 1405 vezes Última modificação em Segunda, 07 Janeiro 2019 13:23

Mídia