Sexta, 27 Outubro 2017 15:02

Comunidades tradicionais de matriz africana abrem diálogo sobre os valores dos seus povos em seminário

Unifesp, parceira do evento, estabelece acordo com Instituto Latino Americano de Tradições Afro Bantu

III Seminário Internacional de Comunidades Tradicionais Bantu

Nos dias 12 e 13 de outubro, a Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) marcou presença no III Seminário Internacional de Comunidades Tradicionais Bantu, realizado no local Nzo Tumbansi em Itapecerica da Serra.

O evento abriu espaço para a discussão sobre o resgate, a conservação e a difusão dos valores dos povos africanos de países de matriz cultural e linguística bantu. A ocasião possibilitou ainda o diálogo sobre as demandas específicas dessas comunidades e também sobre a identidade e luta pan-africanista.

Representando a Unifesp, estavam presentes a reitora Soraya Smaili e a pró-reitora de Extensão e Cultura Raiane Assumpção, além de docentes e pesquisadores. A instituição ficou responsável, em nome do programa de extensão Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros (NEAB), pela emissão de certificados aos participantes do seminário.

A Unifesp estabeleceu um importante acordo com o Instituto Latino Americano de Tradições Afro Bantu (Ilabantu), que visa a abertura de cursos de extensão referentes à cultura africana e afro-brasileira.

*Fontes: Wizi-Kongo e Nzo Tumbansi

Lido 5656 vezes Última modificação em Terça, 14 Novembro 2017 14:07

Mídia