Sexta, 16 Setembro 2016 09:48

ICT/Unifesp realiza workshop para educadores da cidade de Monteiro Lobato

O objetivo é promover a alfabetização científica, condição necessária para o exercício da cidadania

Por Mariane Santos

Professor 2.0 ok 


Amanhã (17/9), docentes e estudantes do Instituto de Ciência e Tecnologia da Universidade Federal de São Paulo (ICT/Unifesp), Campus São José dos Campos, farão um workshop para professores da rede pública Municipal e Estadual da cidade de Monteiro Lobato, dando continuidade ao projeto Professor 2.0, parte integrante do Programa de Extensão Caravana da Ciência, que consiste em apoiar o corpo docente dessas escolas e integrar o aluno da universidade à comunidade, utilizando-as como uma ponte para troca de experiências.
 
A Escola Municipal de Ensino Fundamental Elizabeth Coelho Michelleto receberá os professores do Ensino Fundamental I. No encontro receberão a devolutiva de uma atividade realizada ainda no primeiro semestre, denominada  “café com ciência”, que indicou as expectativas dos professores e, posteriormente, alinhadas pelas equipes pedagógicas da universidade e da rede pública de ensino, objetivando subsidiar a prática docente, a produção de materiais didáticos e alavancar a prática de ciências a partir de experimentos simples, com baixo custo.
 
A ideia também é levar a conhecimento a educomunicação como uma ferramenta capaz de melhorar a proficiência dos alunos não só em conhecimento científico, mas de oportunizar o ensino contextualizado, dinâmico, o incentivo à pesquisa, a produção textual, entre outros benefícios, como a alfabetização e letramento científico.
 
Já a Escola Estadual Maria Ferreira Sonnewend terá como público alvo os educadores do Ensino Fundamental II e Médio. O workshop abordará a vivência da interdisciplinaridade, a oferta de ferramentas a serem utilizadas em sala de aula e trará em discussão a contextualização do cenário atual.
 
Estão à frente desse projeto as docentes do ICT/Unifesp Luciane Portas Capelo e Zuleika Stefânia Sabino Roque e o estudante Júlio Graves, que também serão responsáveis pela condução dos encontros.
 
“Este é um projeto que levará a educação científica nas escolas em que a prática da ciência não é rotineira e, tem como objetivo, despertar o interesse das crianças e adolescentes para tal. Também temos o desafio de auxiliar o professor através da indicação de formas pedagógicas acessíveis e práticas para atuação dentro e fora de sala de aula”, explica Luciane.
 
Zuleika conta que os pontos que serão abordados nesse encontro é fruto de uma primeira conversa realizada em abril deste ano com esses professores. Foram identificadas duas demandas: nas séries iniciais do Ensino Fundamental a questão do método científico e no Ensino Médio a interdisciplinaridade.
 
“Trabalharemos esses pontos em forma de oficinas, através da produção de ferramentas para apoiar o ensino de ciência, promovendo a alfabetização científica, condição necessária para o exercício da cidadania. É preciso desconstruir a ideia de que a ciência é algo sacralizado e colocá-la no cotidiano das pessoas", finaliza a professora.
 
Para a secretária de Educação de Monteiro Lobato, Ellen Denise, “essa segunda etapa do projeto, desenvolvido pela ICT/Unifesp, em nosso município, colaborará ainda mais para a melhoria do ensino de ciências, bem como a relevância e uso prático em suas aulas na relação com a construção do conhecimento científico desenvolvidas por nossos docentes. Temos certeza que atingirá diretamente na aprendizagem de nossos alunos”.
 
Professor 2.0 é um projeto do programa de Extensão Caravana da Ciência, que tem o objetivo de disseminar a alfabetização científica a partir da inserção de universitários do ICT/Unifesp nas escolas públicas de São José dos Campos e região, tendo como foco principal comunidades cuja oferta de atividades de incentivo à prática de ciência não seja rotineira; utilizando-se de experimentos de baixo custo, sobretudo com recursos sustentáveis, promovendo o gosto pela ciência nas crianças e adolescentes e subsidiando a prática pedagógica de docentes.

 

Lido 5212 vezes Última modificação em Quinta, 23 Novembro 2017 19:33

Mídia