×

Aviso

JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 569

O surgimento da Antropologia Social na África do Sul: uma linhagem feminina contra a segregação

Conferência ocorre no dia 30/8, às 17h

Box LauraMoutinho

Conferência: O surgimento da Antropologia Social na África do Sul: uma linhagem feminina contra a segregação

Conferencista: Prof.ª Dr.ª Laura Moutinho (professora associada do Departamento de Antropologia e do Programa de Pós-Graduação em Antropologia da Universidade de São Paulo e pesquisadora do CNPq)

A primeira Cátedra de Antropologia Social da British Commonwealth foi inaugurada na Universidade da Cidade do Cabo, University of Cape Town (UCT), pelo antropólogo britânico Alfred Radcliffe-Brown, em 1921. Situada numa África do Sul anterior ao apartheid, surgiu em contraposição ao regime racista de exceção que se instaura em 1948. O objetivo da conferência é dar inteligibilidade a relações sociais e de poder imersas numa complexa malha geopolítica, para além da dualidade colônia/metrópole, que reconfiguram as questões da segregação, de raça e gênero, num tempo e espaço específicos, conformando as fronteiras da antropologia então praticada.

Serviço:
Ciclo de Conferências 2021 - Cátedra Edward Saïd 
Conferência: O surgimento da Antropologia Social na África do Sul: uma linhagem feminina contra a segregação
Data e horário: 30 de agosto, às 17h
Acesse aqui para assistir (para ingressar, escolha a opção não tenho conta)
Inscrições

Conheça o site da Cátedra Edward Said, onde estão disponíveis os vídeos dos webinários e workshops realizados, a versão digital da revista Exilium e demais notícias da cátedra.
Lido 1115 vezes Última modificação em Sexta, 03 Setembro 2021 09:48

Mídia