Quinta, 22 Julho 2021 14:37

Propessoas/Unifesp reorganiza estruturas de seus departamentos

Com a posse da nova gestão da Reitoria da Unifesp no quadriênio 2021-2025, a Pró-Reitoria de Gestão com Pessoas (Propessoas/Unifesp) promoveu uma reestruturação efetivada no início de maio deste ano. Dentro deste contexto, foram nomeados(as) os(as) novos(as) diretores(as) dos seus departamentos, todos(as) do quadro Técnico Administrativo em Educação (TAE): a Técnica em Secretariado Marli Kiyomi Tetuya Fortunatti, para o Departamento de Desenvolvimento e Gestão de Pessoas (DDGP); o Assistente em Administração André Ferreira Simões, para o Departamento de Recursos Humanos (DRH) e o médico José Homero Soares para o Departamento de Saúde do Trabalhador (DSTra), tendo como vice-diretora a docente da Escola Paulista de Medicina (EPM/Unifesp) - Campus São Paulo, Ana Claudia Fiorini.

"A Propessoas/Unifesp é a responsável pelo planejamento, desenvolvimento e acompanhamento da vida funcional e das estratégias e políticas de gestão de pessoas e tem como missão a promoção da qualidade de vida e o aprimoramento do potencial humano dos(as) servidores(as) docentes e (TAEs), observadas as normas fixadas pelos conselhos centrais", explica a pró-reitora de gestão com pessoas, Elaine Damasceno, reconduzida ao cargo.

Saiba mais sobre os departamentos e suas atribuições:

Departamento de Desenvolvimento e Gestão de Pessoas

Em um primeiro momento, haverá a aglutinação das coordenadoria de Mobilidade Funcional (CMF) e de Gestão de Vagas e Concursos (CGVC), que atualmente estão vinculadas ao Gabinete da ProPessoas/Unifesp, que passarão a fazer parte do DDGP como uma ação estratégica na ampliação da visão de desenvolvimento dos(as) servidores(as). "Vivenciamos um momento de significativa estruturação nas políticas de gestão de pessoas advindas do governo federal e, por essa razão, é necessário refinar nossas estratégias de movimentação de pessoal, alinhadas com a reposição de vagas, planejamento estratégico na condução de concurso público e ainda o contínuo aperfeiçoamento das práticas profissionais com a capacitação e avaliação dos nossos servidores", comenta a pró-reitora adjunta de Gestão com Pessoas, Adriana Franco, antiga diretora do DDGP.

Com a readequação organizacional proposta para o departamento, o objetivo é aprimorar e ampliar os procedimentos atuais, trazendo maior foco e visibilidade no desenvolvimento dos(as) servidores(as) da instituição. "Podemos constatar que as equipes de trabalho que trazem melhor desempenho são aquelas formuladas e reformuladas por intermédio de uma análise minuciosa do perfil de seus integrantes, associadas às diversas ferramentas tecnológicas existentes para uso. Dessa maneira, podemos detectar e analisar as ações desenvolvidas e ainda trazer clareza sobre o quantitativo de pessoal necessário para o melhor funcionamento dos setores", completa.

Departamento de Recursos Humanos (DRH)

Responsável pela administração de pessoal, compete ao Departamento de Recursos Humanos a gestão do quadro de servidores(as), focando em ações burocráticas, tais como admissão e desligamento de pessoal, férias, controle de frequência e afastamento, folha de pagamento, além das obrigações trabalhistas e previdenciárias, dentre outras. Fazem parte da estrutura do DRH a área de secretaria, que tem enfoque nas ações de assessoria ligadas ao Departamento, as divisões de Cadastro e Lotação, de Frequência de Aposentadorias e Pensões, de Assentamento Funcional Digital e de Pagamento.

Com o devido alinhamento ao posicionamento estratégico da Propessoas, o DRH buscará otimizar, sistematicamente, os fluxos de processos e rotinas, promovendo uma cultura de atendimento focado em proporcionar a melhor experiência à comunidade da Unifesp. Por meio da utilização de práticas de comunicação, vai adequar a fluidez das informações destinadas ao quadro funcional, aposentados(as) e pensionistas, mantendo-os(as) atualizados(as) e informados(as) sobre os assuntos relevantes das respectivas vidas funcionais.

Departamento de Saúde do Trabalhador (DSTra)

O DSTra será readequado dentro da nova perspectiva da ProPessoas/Unifesp tendo como principal objetivo coordenar ações de vigilância dos ambientes e processos de trabalho, desenvolver políticas e estratégias para a melhora da qualidade de vida no ambiente de trabalho, atuando com medidas de promoção à saúde, prevenção de doenças, assistência e preservação da saúde dos(as) trabalhadores(as) em consonância com a Política de Saúde e Segurança da Comunidade Acadêmica (SSCA) na Unifesp.

O DSTra/ProPessoas possui três núcleos principais:

Núcleo de Assistência à Saúde dos Funcionários (NASF)

O NASF tem como principal objetivo prestar atendimento ambulatorial aos servidores(as) ativos(as), aposentados(as) e pensionistas de toda a instituição, além dos funcionários ativos do Hospital São Paulo, Hospital Universitários da Unifesp (HSP/HU/Unifesp), bem como a todos(as) os(as) dependentes (cônjuges e filhos até 21 anos), visando a prevenção e promoção à saúde. É estruturado em uma equipe multiprofissional, que oferece suporte clínico-assistencial. A equipe do NASF contribui para a integralidade do cuidado aos usuários por meio de ações de apoio que incluem: atendimento individual, interconsulta e educação permanente. Sua gestão é apoiada por um Conselho Gestor, instituído pela Portarias Reitoria N. 456/2021 com complementação da Portaria Reitoria N. 1484/2021, que conta com a representação de todas as categorias da comunidade universitária usuária do NASF.

Núcleo de Atenção à Saúde (NAS)

Criado pela ProPessoas/Unifesp como núcleo assessor ao DSTra que desempenha atividades relacionadas ao acompanhamento das restrições funcionais de servidores e servidoras que recebem alta da perícia médica com restrições laborais, levantamento das necessidades de saúde dos trabalhadores da universidade e avaliação psicossocial de demandas encaminhadas pelo Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho (SESMT), DRH, coordenadorias e divisões de gestão com pessoas dos campi, Hospital Universitário e chefias. Tem uma interface importante com os núcleos de vigilância dos riscos e atenção à saúde do trabalhador, como núcleo de proteção, recuperação e reabilitação dos trabalhadores, além do desenvolvimento das ações de prevenção e promoção da saúde.

Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho (SESMT)

Serviço que tem o objetivo de promover segurança, vigilância e atenção à saúde do trabalhador. Comporão suas atividades: a) as ações de proteção e vigilância dos riscos à saúde do trabalhador; b) apoio à rede de atenção à saúde do trabalhador ; c) vigilância epidemiológica em saúde do trabalhador ; d) gestão ocupacional e do absenteísmo e e) o Núcleo de Perícias/SIASS Saúde.

Lido 827 vezes Última modificação em Sexta, 13 Agosto 2021 10:10

Mídia