Cine-debate Sem Pena: brutalização e morticínio no sistema prisional brasileiro

Inscrições abertas até 30/05/2017

O Grupo de Pesquisa Conflitos armados, massacres e genocídios na era contemporânea da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) convida a todos para mais uma atividade de seu ciclo semestral. Trata-se do cine-debate Sem Pena: brutalização e morticínio no sistema prisional brasileiro, que será realizado, no dia 5 de junho, às 19h, na sede da Escola Paulista de Política, Economia e Negócios (EPPEN/Unifesp) - Campus Osasco. Na oportunidade, será exibido o filme documentário "Sem Pena", seguida de debate sobre o sistema prisional brasileiro.

Serviço:
Cine-debate: Sem Pena: brutalização e morticínio no sistema prisional brasileiro
Data: 5 de junho de 2017
Horário: das 18h às 21h
Local: EPPEN/Unifesp
End.: Rua Angélica, n° 100, Sala 202 - Jardim das Flores, Osasco/SP
Inscrição

Com um cenário crescente de violência urbana é comum na sociedade um discurso punitivo, que clama por penas cada vez mais altas. Nesse contexto há uma evidente incompreensão dos direitos e garantias do outro, afetando sensivelmente o exercício do direito de defesa de acusados de crimes. O documentário “Sem Pena” retrata as adversidades vividas pelas pessoas presas e processadas criminalmente e para tanto apresenta vários depoimentos. O filme traz ainda testemunhos de juízes, promotores, advogados e especialistas do sistema de justiça criminal. A partir de imagens impactantes de prisões brasileiras, o documentário pretende estimular uma análise crítica da realidade do sistema de justiça, destacando temas relativos à alta taxa de encarceramento e a falta de acesso à justiça no Brasil. É fato que nenhuma população carcerária cresce na velocidade da brasileira que já é a terceira maior do mundo. “Sem Pena” desce ao inferno da vida nas prisões brasileiras, para expor as entranhas do sistema de justiça do país, demonstrando como morosidade, preconceito e a cultura do medo só fazem ampliar a violência e o abismo social existente. Sob este prisma, a atividade consistirá na exibição do documentário, seguida de debate com especialistas no tema.

Programação:

18h - Exibição do filme “Sem Pena”
Direção: Eugenio Puppo, documentário, longa‐metragem, 87min, cor, Brasil, 2014.

19h30
- Debate com Hugo Leonardo, vice-presidente do Instituto de Defesa do Direito de Defesa (IDDD), Marcos Alexandre Coelho Zilli, professor de Direito Processual Penal nos cursos de graduação e de pós-graduação da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP) e Rodrigo Medina Zagni, coordenador do Grupo de Pesquisa Conflitos armados, massacres e genocídios na era contemporânea da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp)

Última modificação em Quarta, 31 Maio 2017 19:15

Mídia