INSTITUTO DE ONCOLOGIA PEDIÁTRICA
Instituto de Oncologia Pediátrica - GRAACC/UNIFESP
Rua Botucatu 743 – 04023-062 São Paulo SP
PABX: 5080-8400
Email: iopepm@dialdata.com.br


O Instituto de Oncologia Pediátrica (IOP) do Departamento de Pediatria da Universidade Federal de São Paulo-Escola Paulista de Medicina (UNIFESP) desenvolve desde 1991 atividades de ensino, pesquisa e assistência à criança com câncer.

A atividade assistencial é dirigida à cerca de 1700 crianças e engloba tratamento ambulatorial, em regime de internação em enfermaria e em unidade de tratamento intensivo; procedimentos diagnósticos, cirúrgicos, quimioterapia, radioterapia, e tratamento de suporte. Este trabalho é feito em conjunto com especialistas de diversos setores que interagem no tratamento multidisciplinar.

A atividade didática é dirigida aos estudantes de medicina em fase de graduação (4º e 6º anos médicos), residentes de pediatria e pós-graduandos e aos participantes do curso de especialização em Oncologia Pediátrica, que além das atividades práticas e teóricas do serviço participam das reuniões multidisciplinares nos diversos departamentos.

Dentro do Instituto, contamos com 1 professor adjunto da UNIFESP, 8 médicos oncologistas pediátricos e 1 hematologista pediátrico com função docente entre os quais 3 são doutores em pediatria, 3 são mestres em pediatria, 13 médicos inscritos no curso de especialização em Oncologia Pediátrica e 2 no curso de especialização em TMO, 2 médicos em estágio de pós-graduação, médicos intensivistas, infectologista e cirurgiões, além de residentes e especializandos do Departamento de Pediatria da UNIFESP-EPM e acadêmicos de medicina, que freqüentam nosso serviço em esquema de rodízio. Contamos ainda com profissionais de enfermagem, nutrição, serviço social, odontólogas, psicólogos, psicopedagogos, recreacionistas e voluntários, que interagem na assistência à criança. O enfoque maior do serviço é o tratamento oncológico ambulatorial. A assistência à criança envolve o desenvolvimento de projetos de pesquisa multidisciplinares, dirigidos não só ao tratamento oncológico (quimioterapia, cirurgia e radioterapia), como também ao controle da dor, vômitos, infecções, nutrição, apoio emocional, recreação, assistência de enfermagem, etc.

A atividade de pesquisa inclui ainda o desenvolvimento de protocolos terapêuticos, com objetivo de elevar a sobrevida dos pacientes oncológicos e caracterizar os fatores prognósticos em nosso meio. Existe grande intercâmbio entre as diversas especialidades envolvidas no tratamento das crianças com câncer, permitindo projetos conjuntos, como, por exemplo, o protocolo para tratamento de osteossarcoma, realizado em conjunto com o setor de tumores ósseos do Departamento de Ortopedia e Traumatologia, Departamento de Anatomia Patológica, Departamento de Diagnóstico por Imagem e Departamento de Genética.

Missão da instituição: garantir a crianças e adolescentes com câncer, dentro do mais avançado padrão cientifico, o direito de alcançar todas as chances de cura com qualidade de vida.

Visão: disponibilização de recursos técnicos, científicos e humanos adequados, atuando como centro de referência em diagnóstico e tratamento do câncer infanto-juvenil; Apoio multidisciplinar e suporte social, com a finalidade de manter a adesão ao tratamento; Treinamento e capacitação profissional, buscando multiplicar conhecimento e promover impacto na assistência à saúde do país; Trabalho constante em parceria, somando esforços com a Comunidade, Universidade e Empresariado, através de mobilização de recursos, gestão participativa e potencialização de conhecimento; Atuação efetiva do voluntariado; Garantir o acesso ao tratamento às crianças e aos jovens de famílias de baixa renda.