Ministro Mercadante se reúne com reitora da Unifesp e lideranças da Zona Leste

foto portal

Inauguração do prédio para as atividades de extensão deverá ocorrer no início deste semestre

Na última sexta feira (22/01), ocorreu um encontro na Zona Leste de São Paulo com a presença do ministro da Educação, Aloizio Mercadante, da reitora Soraya Smaili, de vereadores e deputados, além de membros da comunidade da região, sob a liderança do Padre Ticão. Na ocasião, o ministro se comprometeu a atuar para liberar os recursos para a Unifesp e dar condições para abrigar as atividades de extensão do Campus Zona Leste.

Dentre as atividades previstas estão a Universidade Aberta à Pessoa Idosa (UAPI), o curso de formação de professores das redes públicas municipal e estadual de ensino, cursinhos populares, as Escolas de Cidadania, o Observatório de Políticas Públicas, o Centro de Memória da Zona Leste e o Núcleo de Formação Sócio-Cultural.

Elas serão realizadas no edifício da extensão que se encontra no terreno cedido pela Prefeitura de São Paulo para a futura instalação do campus. O prédio com 800 m² possui três salas de aula, um laboratório de informática, sala multiuso para debates e exposições, salas de reunião, secretaria e administração e foi reformado pela Prefeitura de São Paulo.

Em sua fala, o ministro ressaltou a qualidade do ensino, da pesquisa e da extensão oferecidos pela universidade e falou sobre a sua importância para a região. "A Unifesp é uma grande universidade e dará oportunidade para que os jovens da Zona Leste estudem em uma das melhores instituições de ensino do país", complementou.

Sobre o Campus Zona Leste

O Campus Zona Leste da Unifesp abrigará o Instituto das Cidades, que oferecerá cinco cursos de graduação (Administração Pública, Arquitetura e Urbanismo, Engenharia Ambiental e Sanitária, Engenharia Civil e Geografia), ligados aos temas da urbanização, mobilidade e sustentabilidade.

Pró-Reitorias

Unidades universitárias

Campi

Links de interesse