A 1ª fase da Coreme 2019 tem recorde de participantes

Exame teve mais de 5 mil inscritos e participaram efetivamente da seleção 4.765 candidatos. Provas aconteceram no domingo, 11 de novembro, e a FapUnifesp participou de sua organização

FapInforma

O processo seletivo público para a Residência Médica 2019, da Escola Paulista de Medicina (EPM), da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), atingiu este ano uma marca histórica. Participaram das provas de seleção de sua primeira fase 4.765 candidatos. O número de inscritos, por sua vez, foi ainda maior, 5.048.

"A EPM é referência nacional em ensino na área médica. Seu corpo docente além de ser totalmente comprometido com o ensino formal das disciplinas oferecidas, empenha-se em criar um ambiente educacional com empatia, baseado em valores éticos", reflete Emília Sato, diretora da EPM/Unifesp. "E temos uma das maiores ofertas de programas de residência e subespecialidades dentre todas as instituições de ensino superior na área médica do Brasil. Isso é um forte atrativo aos alunos de todo o país."

E foi exatamente pela especificidade de programas da Pediatria oferecidos pela Unifesp, que Natália Oliveira, de 25 anos, formada pela Universidade Federal do Pará (UFPA), concorria a uma das vagas como residente. "Preciso aprofundar meus conhecimentos como pediatra. Concorro ao programa de Reumatologia Pediátrica", disse. Já Bruna Eduarda Castro, de 25 anos, também de Belém do Pará, formanda da UFPA, veio disputar uma vaga em Obstetrícia e Ginecologia. "Sou apaixonada pela saúde da mulher. Na residência da Unifesp, vou encontrar uma escola melhor preparada para me capacitar."

O reconhecimento da excelência de seus professores assim como a oferta de boa estrutura de salas de aulas, laboratórios e a possibilidade de exercer o aprendizado de seu interesse na prática do Hospital São Paulo são respostas facilmente dadas entre os interessados pela residência da EPM/Unifesp.

"Os bons professores da Unifesp me atraíram para sua residência", diz Guilherme Azevedo, de 24 anos, que veio de Salvador para disputar vaga em Ortopedia. "A EPM tem boa estrutura e excelente corpo docente", falou Flávia Nirome, de 26 anos, vinda de Maringá, no Paraná, que tentava vaga para Cirurgia Geral. "Estudei muito e estou bastante otimista em minha aprovação na residência. Dar continuidade a minha formação na Unifesp é muito importante para minha carreira", disse Hugo Daniel, de 27 anos, que veio do Piauí, Teresina, para concorrer ao programa de Cirurgia Geral. "Colegas já fizeram a residência na Unifesp e me indicaram como sendo um lugar de extrema qualidade para minha formação", comentou Daniel Lopes, de 27 anos, vindo de Campinas para disputar uma das vagas oferecidas em Psiquiatria da Infância e da Adolescência.

"Parte de nossa formação acontece nos corredores do Hospital São Paulo, sob a atenta supervisão dos nossos professores. Isso torna o processo de aprendizado mais interessante", comenta Adagmar Andriolo, coordenador da Coreme. "Fazemos parte de uma Instituição de Ensino muito sólida. A EPM existe há 85 anos. Em todo esse tempo de existência conseguimos aprimorar e tornar distinta nossa maneira de educar", assegura Roseli Nomura, integrante da equipe de coordenação da Coreme.

A primeira fase da Coreme 2019 ocorreu em 11 de novembro de 2018. O curso de Clínica Médica teve o maior número de inscritos, 738 para 48 vagas, totalizando 15 candidatos por vaga. Já o programa de Neurocirurgia teve a maior disputa. Foram 150 inscritos para três vagas, 50 candidatos para um lugar no programa. Ao todo a Coreme 2019 oferece 92 Programas de Residência.

"Nós, da FapUnifesp, temos muito orgulho em fazer parte dessa que é uma das mais significativas residências médicas do país. Nossa equipe de funcionários dedica-se com afinco à execução das provas", lembra o diretor de Pesquisa da Fundação, Jair Chagas. "A cada ano de realização da Coreme consolidamos nossa parceria com a Universidade."

Os cadernos de questões e gabarito das provas da primeira fase estão disponíveis na área do candidato no site da Coreme. A partir de 27 de novembro, está prevista a divulgação dos resultados da 1ª fase. De acordo com o edital da residência, a divulgação será de forma personalizada por área de opção. Todos os detalhes podem ser acessados pelos www.coreme.fapunifesp.edu.br ou www.fapunifesp.edu.br/coreme2019.