Segunda, 22 Outubro 2018 13:33

Carta à Comunidade Acadêmica da Unifesp em defesa da Autonomia Universitária

A autonomia universitária é condição fundamental da existência das universidades como espaço propositivo e reflexivo da sociedade, como garante a Constituição Federal (Artigo 207) e a Lei de Diretrizes e Bases da Educação (Artigo 3º).

Na condição de dirigentes máximos da Unifesp, declaramos que defenderemos a autonomia didático-científica, administrativa e de gestão da nossa Universidade, garantiremos o pluralismo de ideias e a liberdade de pensamento, de cátedra, de pesquisa e de expressão de toda a nossa comunidade acadêmica, como previsto no Estatuto da Unifesp, na LDB e na Constituição Federal, qualquer que seja o resultado das eleições presidenciais.

Uma sociedade mais justa, solidária, sustentável, plural e democrática só será alcançada se tivermos um sistema universitário livre e forte, como ocorre nos países com democracias sólidas e direitos fundamentais garantidos. As universidades são um dos pilares da democracia, da liberdade, do desenvolvimento científico, tecnológico e social de uma nação. Por isso, é nosso papel defendê-la, contra qualquer ameaça.

Soraya S. Smaili e Nelson Sass
Reitora e Vice-Reitor da Unifesp

Lido 754 vezes Última modificação em Segunda, 22 Outubro 2018 13:42

Mídia