Sexta, 15 Dezembro 2017 15:41

Consu/Unifesp homenageia docentes, pesquisadores e estudantes da instituição

Reconhecimento foi feito em razão do destaque de cada homenageado em sua área de atuação

Por José Luiz Guerra

Consu/Unifesp homenageou docentes, pesquisadores e estudantes de renome e destaque na instuição (da esquerda para a direita: O vice-reitor da Unifesp, Nelson Sass, Michel Rabinovitch, Sergio Tukik, Durval Rosa Borges, Soraya Smaili, Neide Jurkiewicz e Elisaldo Carlini)
Consu/Unifesp homenageou docentes, pesquisadores e estudantes de renome e destaque na instuição (da esquerda para a direita: o vice-reitor
da Unifesp, Nelson Sass, Michel Rabinovitch, Sergio Tukik, Durval Rosa Borges, Soraya Smaili, Neide Jurkiewicz e Elisaldo Carlini)


Em sessão ordinária realizada no último dia 13 de dezembro, o Conselho Universitário da Universidade Federal de São Paulo (Consu/Unifesp) prestou homenagens a docentes, pesquisadores e discentes pelo destaque na área de atuação de cada um deles.

A reitora da Unifesp, Soraya Smaili, afirmou que as homenagens foram preparadas com muito carinho, cuidado e dedicação e que deverão ser uma constante a partir de 2018. “Essa instituição tem muitas pessoas para agradecer e muitas histórias para contar”, afirmou. “Lutamos diariamente para reverter uma série de coisas que nos foram tiradas e essas pessoas que foram homenageadas hoje nos inspiram a continuar”, completou Soraya.

Os homenageados de cada categoria foram:

Pesquisadores de excepcional contribuição ao desenvolvimento do ensino, pesquisa, extensão da Unifesp

- Durval Rosa Borges, apadrinhado pelo docente Alvaro Atallah

Durval Rosa Borges é professor titular da disciplina de Gastroenterologia da EPM/Unifesp, formado em Medicina, doutor e livre docente pela mesma instituição. Se destacou por sua atuação como médico e pesquisador na área de bioquímica, tendo sido o primeiro Pró-reitor de Graduação da instituição, Presidente da Fundação de Apoio à Unifesp (FAPUnifesp) e fundador da Editora da Unifesp. CV Lattes 

- Elisaldo Carlini, apadrinhado pela docente Helena Nader

Elisaldo Carlini é professor titular do departamento de Psicobiologia da EPM/Unifesp, é formado em Medicina pela mesma instituição e mestre pela Yale University (EUA). É uma das maiores autoridades mundiais em pesquisas relacionadas a drogas e plantas medicinais. Atua em diversas instituições nacionais e internacionais, dentre as quais destacam-se a Organização Mundial da Saúde (OMS) e a Secretaria Nacional Antidrogas (SENAD). CV Lattes 

- Michel Rabinovitch, apadrinhado pela docente Clara Barbieri

Michel Rabinovitch é graduado em Medicina pela Universidade de São Paulo (USP), doutor e livre docente pela mesma universidade, é pesquisador colaborador da disciplina de Parasitologia da EPM/Unifesp. Lecionou na Rockefeller University, na New York University School of Medicine, ambas nos Estados Unidos, e no Instituto Pasteur de Paris. CV Lattes 

- Neide Jurkiewicz, apadrinhada pela docente Caden Souccar

Neide Jurkiewicz é professora adjunta do Departamento de Farmacologia da EPM/Unifesp. Possui graduação em Farmácia pela Universidade de São Paulo (USP), doutorado pela EPM/Unifesp e pós-doutorado pela State University of New York, SUNY (EUA). É uma das primeiras cientistas da EPM/Unifesp e precursora nos estudos em Farmacologia. CV Lattes

- Sergio Tufik, apadrinhado pelo docente Nestor Schor

Sergio Tufik é professor titular do Departamento de Psicobiologia da EPM/Unifesp. Graduado em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo, mestre pela USP – Ribeirão Preto, doutor e livre-docente pela EPM/Unifesp. É um dos principais pesquisadores na área de Sono no mundo. Foi pró-reitor de Graduação e vice-reitor da Unifesp. CV Lattes

Jovens pesquisadores docentes

- Adenauer Girardi Casali (ICT/Unifesp - Campus São José dos Campos), um dos cinco acadêmicos selecionados em toda a América Latina para participar do “Future Leaders Program” do “Science and Technology in Society Forum” (STS Fórum), realizado no mês de outubro em Kyoto no Japão. (Adenauer Girardi Casali foi representado pelo docente do ICT/Unifesp Luiz Leduíno de Salles Neto);

- Ana Claudia Fiorini (EPM/Unifesp - Campus São Paulo), agraciada com o primeiro lugar do prêmio concedido pela Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia durante o XXV Congresso Brasileiro de Fonoaudiologia, que aconteceu em setembro deste ano. O reconhecimento foi pela criativa campanha Manifesto do Silêncio, ocorrida em abril, em São Paulo, para o Dia Internacional de Conscientização sobre o Ruído (International Noise Awareness Day – INAD);

- Fabiano Pupim (ICAQF/Unifesp - Campus Diadema), recebeu o Prêmio Jean Tricart durante a 9ª Conferência Internacional em Geomorfologia. Foi reconhecido pela International Association of Geomorphologists por sua atuação no campo da geomorfologia. O prêmio é destinado a jovens pesquisadores da área, que se destacaram no último quadriênio (2014-2017). A premiação se deu no mês de novembro em Nova Déli, capital da Índia;

- Graziela Krohling Kunsch (EFLCH/Unifesp - Campus Guarulhos), recebeu o Prêmio de Residência no 20º Festival de Arte Contemporânea Sesc_Videobrasil (Premiação no SESC Pompeia) e foi finalista do 1º Prêmio Select de Arte e Educação, com a pesquisa “Abertura para respostas inesperadas”. (Graziela Krohling Kunsch foi representada pelo docente da EFLCH/Unifesp Pedro Arantes).

Jovens pesquisadores discentes

- Carolina Pelegrini Barbosa Gracitelli (EPM/Unifesp - Campus São Paulo), ganhou menção honrosa no Prêmio Capes em 2017 com a tese "Avaliação da via não formadora de imagem em pacientes com glaucoma: resposta pupilar à luz e distúrbios do sono";

- Marcos Leite Santoro (EPM/Unifesp - Campus São Paulo), ganhou menção honrosa no Prêmio Capes em 2017 com a tese "Busca por potenciais marcadores genéticos nas fases iniciais da Esquizofrenia";

- Marina Reinoldes (EFLCH/Unifesp - Campus Guarulhos), responsável pelo Projeto de Extensão MemoRef (Memorial Digital do Refugiado);

- Sandra Regina Benato (EFLCH/Unifesp - Campus Guarulhos), recebeu o Prêmio Ibn Arabi Tarjumán Novel pela tese “O Despertar do Lótus: Terceira coisa e vivência de si em IBN ARABI”. (Sandra Regina Benato foi representada pela diretora da EFLCH/Unifesp, Magali Silvestre).

Lido 4637 vezes Última modificação em Quinta, 22 Fevereiro 2018 18:58

Mídia