Terça, 24 Maio 2016 17:05

Unifesp assina pactuação de vagas para a EPM e EPE

As duas escolas receberão um total de 67 vagas, entre reposições e vagas novas

PactuacaoEPMeEPEfotosite

Por José Luiz Guerra

A Escola Paulista de Medicina (EPM) e a Escola Paulista de Enfermagem (EPE) da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) assinaram a pactuação de vagas docentes das duas escolas. Entre outras coisas, a pactuação permitiu definir o quadro completo de vagas lotadas no Campus São Paulo (EPM e EPE), estabelecer e registrar concursos em andamento e receber 8 vagas novas. No total, entre reposições e vagas novas, foram definidas 67 vagas para concurso de novos professores, sendo 60 para a EPM e 7 para a EPE.

O documento foi assinado pela reitora da Unifesp, Soraya Smaili, pela pró-reitora de Gestão com Pessoas, Rosemarie Andreazza, e pelas diretoras Rosana Puccini (Campus São Paulo), Emília Sato (EPM) e Janine Schirmer (EPE). Com o preenchimento das novas vagas, que ainda demandam a realização de concursos, a EPM passará a ter 598 docentes e a EPE, 53, totalizando 651 professores lotados no Campus São Paulo.

A gestão da Reitoria tem finalizado os pactos de todos os campi da Unifesp, sendo este um importante documento de registro e fotografia atual de cada unidade. Com isso, cada campus terá o controle e registro dos códigos de vaga, em conjunto com a Pró-Reitoria de Gestão com Pessoas. Trata-se de mais um passo na descentralização e transparência no campo da gestão de vagas.

 

 

Lido 6215 vezes Última modificação em Quinta, 23 Novembro 2017 17:19

Mídia